* Tickers atualizados a cada 15 minutos.

Investimento em Renda Fixa Internacional

BDR e ETF de Renda Fixa Internacional

Quem busca diversificar seus investimentos, provavelmente, já recebeu a sugestão de investir no exterior. Contudo, para remeter recursos para fora há a burocracia, os custos são elevados e o receio das particularidades do mercado externo.

Dessa forma, a B3 desenvolveu formas de realizar tais investimentos de maneira bem mais acessível e com a segurança da própria B3, a bolsa de valores do Brasil.

ETF de Renda Fixa Internacional

O Exchange Traded Fund (ETF) Internacional é um fundo de investimento de renda fixa negociado na bolsa que busca refletir a rentabilidade de índices de renda fixa internacionais cujas carteiras teóricas são compostas por títulos públicos e/ou títulos privados de outras nações.

Tais índices permitem ao investidor avaliar como um conjunto específico de títulos se comportou em um determinado período. Isso porque os índices de renda fixa são calculados a partir de uma carteira teórica de títulos, criada apenas para medir o desempenho desses ativos (benchmark).

Os ETFs permitem a exposição do investidor a todos os ativos que integrem a carteira do índice referencial.

Por ser negociado na B3 é possível:

● Saber a composição do ETF a qualquer momento;
● Conhecer todas as informações sobre as negociações com as cotas dos ETFs no mercado secundário já que todas elas são divulgadas;
● Realizar a comparação imediata entre o valor de um ETF e seu respectivo índice de referência.
● Investir valores baixos.

É importante lembrar que é admitido desenvolver ETFs a partir de qualquer índice internacional reconhecido pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

BDR de ETF

Os Brazilian Depositary Receipts de ETFs estrangeiros (BDR de ETF) são valores mobiliários emitidos no Brasil, que possuem como lastro cotas de ETFs emitidos no exterior. Para emissão do BDR de ETF, o administrador dos ETFs no exterior deve celebrar um contrato no Brasil com uma instituição depositária, a qual será responsável por emitir os BDRs.

O BDR de ETF é um certificado atrelado à cota de um fundo de índice internacional, semelhante a um BDR comum.

Para investidores brasileiros, a compra de um ETF internacional de renda fixa listado da B3, é bem mais fácil do ponto de vista operacional do que através de uma corretora americana.

Tipos de BDR Listados na B3Quantidade
BDR Patrocinados8
BDR Não Patrocinados840
BDR de ETF de Commodities4
BDR de ETF de Renda Fixa14
BDR de ETF de Renda Variável132

*Fonte: etf.com.vc. Dados obtidos em Agosto de 2022

A Paridade

Uma paridade de 1:10 significa que cada BDR corresponde a uma fração de 1/10 (um décimo) da cota do ETF. Assim, o investidor que queira ter o equivalente a 1 cota inteira precisará adquirir 10 BDRs.

BDR de ETF de Renda FixaBenchmarkComposiçãoParidade
iShares US Treasury Bond ETF (BGOV39)ICE US Treasury Core IndexTreasuries americanas1:3
iShares 7-10 Year Treasury Bond ETF (BIYT39)ICE US Treasury 7-10 Year indexTreasuries americanas com vencimento entre 7-10 anos1:10
iShares Short Treasury Bond ETF (BSHV39)ICE Short US Treasury Securities IndexTreasuries americanas com vencimento até 1 ano1:10
iShares 1-3 Year Treasury Bond ETF (BSHY39)ICE US Treasury 1-3 Year IndexTreasuries americanas com vencimento de 1 a 3 anos1:8

Fonte: site da B3, página do Produto BDR. Consulta em Ago/22

Principais benefícios ao adicionar essa classe de ativos à carteira

O BDR pode ser útil ao investidor que deseja expor seu capital a investimentos estrangeiros de forma simples e prática. Afinal, como o certificado é negociado na bolsa brasileira, o investidor não precisará se vincular a instituições internacionais, nem ter custos com câmbio de moedas.

Da mesma forma como o investidor decide fazer investimentos em títulos do Tesouro Nacional (via Tesouro Direto, Fundos de Renda Fixa e ETFs de Renda Fixa no Brasil) ou em títulos de renda fixa privada (CDBs, Debêntures de empresas brasileiras ou Fundos de Renda Fixa), os ETFs de renda fixa internacionais e BDRs de renda fixa internacionais permitem acessar títulos de governos estrangeiros, dívida de empresas e de bancos estrangeiros.

Em termos de diversificação, ter um BDR descorrelacionado com o mercado nacional é uma forma de equilibrar os riscos do portfólio e evitar prejuízos quando a bolsa está em tendência de queda.

Outra grande vantagem é o acesso simples a índices de renda fixa estrangeiros através dos BDR de ETF de renda fixa que garante a exposição a juros de outros países sem a necessidade de pagamento dos custos relacionados à remessa de recursos para o exterior.

Além disso, as operações são realizadas no Brasil com liquidação feita em moeda nacional, mesmo que o investidor esteja exposto às variações de preços de um ativo estrangeiro.

Comparando as Modalidades

Comparando as duas modalidades de investimento, podemos ver que os investimentos em BDR possuem vantagens comparativas, como demonstramos abaixo:

BDRInvestimento no Exterior
Tarifa de Remessa0%Varia de acordo com a corretora. Fique atento à taxa de câmbio obtida para remeter e para trazer os recursos de volta
Imposto de Herança (EUA)De competência estadual podendo chegar a 8%, dependendo do estado de residência do investidor. O STF firmou entendimento de que heranças recebidas do exterior estão isentas do pagamento de imposto sobre transmissão causa mortis e doações (ITCMD)De 18% a 40% para aqueles que possuem mais de US$ 60 mil investidos em corretoras americanas.
Opções de Investimento998 BDR listados na B3Acima 4.000 tipos de ações e ETF nas bolsas americanas
IOFNãoSim, 1,1% sobre a remessa e 0,38% sobre a volta dos recursos
Imposto sobre dividendosOs dividendos recebidos de BDRs serão tributados como "rendimentos recebidos de fonte no exterior", de acordo com a tabela progressiva de Imposto de Renda (de 7,5% a 27,5% acima do limite de isenção).Sim 30%(USA)
Isenção de imposto de ganhos de capitalA isenção de imposto sobre ganho de capital no Brasil sobre a venda de até R$ 20 mil em ativos mensais não se aplica aos BDRs.Há a isenção de imposto sobre ganho de capital sobre a venda de até R$ 35 mil em ativos mensais

As Estratégias de Hedge

Com esses instrumentos é possível a elaboração de estratégias, diversificação de investimentos e arbitragem com ativos locais e estrangeiros

E os títulos de renda fixa emitidos pelos governos (bonds) ou por empresas (corporate bonds) de países centrais atraem investidores pela sua segurança.

No entanto, no mundo dos investimentos, deve-se sempre analisar os fatores de risco e conhecer a praça de investimento.

Assim, uma das vantagens seria a criação de um hedge natural quanto a diminuição da volatilidade cambial da carteira, uma vez que a moeda brasileira está sujeita a uma oscilação excessiva no mercado.

Como as moedas estrangeiras de países centrais tendem a ser mais constantes, funcionam como um ótimo instrumento para atingir objetivos de longo prazo.

Tomar uma decisão de investimento exige muito estudo e dedicação. Sendo assim, deve ser tomada a partir da análise do perfil de investidor e os seus objetivos. Logo, trata-se de uma decisão individual, devendo ser realizada após uma avaliação do próprio investidor sobre a sua condição e expectativas.

Tags

BDRs de ETFs • 

Liquidez • 

investimento

Ver todos os artigos